Vikings – Uma aula de cultura nórdica, recheada de batalhas, conflitos e busca por poder

Vikings é um drama histórico escrito por Michael Hirst. Embora seja uma ficção, os elementos presentes na história são reais. A série retrata a vida dos vikings na Escandinávia, destacando Ragnar Lothbrok (Travis Fimmel), um rei semi-lendário da Suécia, responsável pelo flagelo da França e Inglaterra.

Na série, Ragnar a princípio é um fazendeiro escandinavo que nutre uma ambição de navegar em terras até então desconhecidas pelo seu povo. Para realizar seu sonho, ele convence seu irmão Rollo (Clive Standen) mostrando para ele como iriam navegar até a Inglaterra. Por retratar a vida de Vikings, é fácil de se imaginar um bando de brutamontes que só pensa em batalhar e ganhar dinheiro, em suma Vikings são isso, porém há uma hierarquia que é respeitada por todos.

Por seguir um código de honra, Ragnar pede permissão a seu Conde para ir em busca do desconhecido. Assim a trama está estabelecida, a contra gosto do Conde, secretamente Ragnar recruta um grupo com a promessa de grandes espólios, fama e quiçá um lugar em Valhalla.

A série chama atenção pelos cenários fantásticos
A série chama atenção pelos cenários fantásticos

Personagens marcantes e reais

Apesar de contar a história de Ragnar, cada personagem na trama é essencial para a narrativa. A construção de cada um é extremamente fluída, e em algum momento eles ganham notoriedade e suas ações tem consequências diretas no desenrolar da trama.

Lagertha (Katheryn Winnick) é esposa de Ragnar e fica com a tarefa de cuidar da fazenda e filhos enquanto o marido parte em suas viagens. Apesar de ser fazendeira, Lagertha não é nada indefesa, ela realmente existiu e era uma skjaldmö (“donzela do escudo”) assim como é mostrado na série.

Bjorn (Alexander Ludwig) é filho de Ragnar, no início da jornada do pai ele é um garoto que acabou de passar pelos ritos e se tornar um homem, contudo na segunda temporada ele já é um adulto de verdade e enfim ele começa a lutar ao lado do pai. Em uma dessas batalhas seu pai o apelida de Bjorn Ironside, outro semi-lendário rei da Suécia.

Floki (Gustaf Skarsgård) é um personagem extremamente interessante, seu temperamento sempre beirando a insanidade deixa aquela dúvida se ele é vilão ou herói. Floki na série é um construtor de barcos e sua missão é construir o melhor navio para que Ragnar conseguisse realizar seus feitos

Rollo (Clive Standen) é irmão de Ragnar, ele é outro personagem que podemos esperar de tudo. Rollo nutri um sentimento que não da pra saber se é inveja ou raiva de seu irmão, e isso põe em xeque sua lealdade, o que é  bem explorado pelo autor. Outra característica marcante é sua ferocidade nas batalhas isso fica bem claro na terceira temporada.

Athelstan (George Blagden) um padre, que virou escravo de Ragnar, no entanto um laço de amizade nada comum entre Vikings e cristãos, surge entre os dois. O conflito interno de Athelstan é bem marcante, á todo momento sua fé em Deus é colocada a prova, junto com sua vida. Claro que uma amizade entre um viking e um cristão não é bem vinda, e as reviravoltas envolvendo esse conflito são excepcionais.

Claro que há outros tantos personagens, mas suas participações são bem menos marcantes, e contá-las aqui seria apenas um apanhado de spoilers.

139468

Guerra dos Deuses

Outra característica marcante na série é a adoração que os nórdicos tem por seus deuses. Odin, Thor, Freya entre outros. Todos seus atos são baseados na vontade dos deuses, assim como sua voracidade nas batalhas, são para serem merecedores de entrar em Valhalla. Com o aparecimento de Athelstan surge também uma guerra incessante entre nórdicos e cristãos. De um lado temos os vikings, adorando, fazendo oferendas e sacrifícios para agradar os deuses. Do outro temos os cristãos, fazendo suas missas referenciando um único Deus. O único ponto em comum que ambas religiões tinham naquela época, era que eles matavam sem dó em nome de Deus ou de seus deuses.

No meio desse conflito que a história de Athelstan se desenvolve bem, porque através da amizade com Ragnar e de viver entre nórdicos, ele acaba deixando de lado o cristianismo, mas ao se reencontrar com tesouros cristãos, novamente ele entra em crise existencial e tudo começa outra vez.

“Na queda suave de chuva do céu eu ouço meu Deus. Mas, no trovão eu ainda ouço Thor. Essa é a minha agonia.” – Athelstan
“Na queda suave de chuva do céu eu ouço meu Deus. Mas, no trovão eu ainda ouço Thor. Essa é a minha agonia.” – Athelstan

Ambientação incrível

Além de uma trama ótima, personagens fortes e marcantes, Vikings conta com uma ambientação sensacional. Filmado na Irlanda, a riqueza de detalhes dos vilarejos, barcos, campos de batalha, as viagens de navio e nos figurinos, dão ao seriado o ar verossímil que ele se propõe a fazer.

Para combinar perfeitamente com o cenário nórdico, a série conta com uma trilha sonora gótica que dão um tom meio sombrio nos momentos exatos.

Atualmente Vikings  conta com 4 temporadas e a segunda parte da 4ª está prevista para 30 de Novembro Fevereiro, confira o trailer:

Confira também:

5 Curiosidades sobre Vikings

Trailer da segunda parte da quarta temporada

 

Autor

Além de ser um dos fundadores do Bacon Side. Tenho 28 anos, formado em Sistemas de Informação, motivo de chacota desde a segunda série, fã de quadrinhos, livros, séries, filmes e Bacon! Recentemente descobri uma aptidão para esse negócio de escrever em sites Geeks!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *